Nissan Leaf fará pré-estreia no Salão do Automóvel de São Paulo, em novembro


Pretendendo ser o elétrico mais em conta do mercado, a Nissan confirmou a pré-estreia do Leaf no Salão do Automóvel de São Paulo. Confirmado para ser vendido e lançado em 2019, o hatch chega ao país com a missão de ficar abaixo dos R$199.950 cobrados pelo BMW i3. O Leaf foi confirmado para aparecer no evento paulista por Marco Silva, presidente da Nissan Brasil, durante a inauguração da fábrica da Frontier na Argentina. Aqui, o executivo afirmou que o Leaf deve ser lançado entre o final do primeiro trimestre e o início do segundo trimestre, ou seja, entre março e abril de 2019. A segunda geração traz a nova filosofia de design da marca japonesa, que lembra os últimos lançamentos da marca, como March e Kicks. No design, a dianteira ficou bem curvada e adota faróis de LED com lentes horizontalizadas e LEDs diurnos, bem como friso “V-Motion” devidamente cromado com grade falsa estilizada. O compartimento de recarga fica logo acima, mas abaixo do capô. O para-choque possui aplique central preto e uma grande abertura, além de faróis de neblina e moldura bem fluída. A coluna A conta com vigias laterais e as janelas laterais contam com novo recorte, enquanto as janelas da traseira continuam pequenas. Já as colunas C tiveram a base elevada, característica estética da Nissan e presente em vários modelos, incluindo o “nosso” Kicks. A traseira, ponto de maior crítica da antiga geração, adotou lanternas bumerangue, assim com um aplique em preto brilhante. A vigia é única e há um defletor de ar bem volumoso. O aspecto esportivo do Nissan Leaf 2018 também é reforçado pelo protetor traseiro mais elevado, que traz um difusor de ar. O teto agora pode ter acabamento preto. Com 4,48 metros de comprimento, 2,70 metros de entre-eixos, 1,79 metro de largura e 1,56 metro de altura, com coeficiente aerodinâmico de 0,28Cx e peso de 1.590kg. As rodas podem ser de 16 ou 17 polegadas e conta com motor elétrico de 150cv de potência e 32,6kgfm, com bateria de 40kWh que garantem 240km de autonomia na versão S, 320km na SV e 378km na SL. Ele acelera de 0 a 100km/h em 15% menos que o modelo anterior e velocidade máxima de 140km/h. 


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Mercedes-Benz confirma detalhes do fim do motor V12 durante o Salão de Paris

Volkswagen confirma vender elétricos da linha ID pelo mesmo preço dos carros diesel

SOL apresenta o E20X no Salão de Pequim, primeiro fruto entre JAC e Volkswagen

Volkswagen ainda espera desenvolver um Golf de 420cv, segundo canal no Youtube

Volkswagen confirma que Fusca deve retornar como elétrico de 4 portas no futuro

Toyota vende Corolla XEi com desconto de R$6 mil durante esse mês com o "Corolla Fest"

Nova geração do Renault Clio estreia no Salão de Genebra, apenas em março de 2019

Brabham apresenta o BT62 na Inglaterra, bólido de 710cv de potência e com motor 5.4 V8

Para Renault, Duster é para marca o que o Mustang é para a Ford, em grau de importância

Há um ano: representando nova fase da Citroën, Jumpy marca novos comerciais leves